QUIMGAX 2000IC

Gaxeta de Grafite Flexível com Fios de Niquel Cromo

 

 

 

Aplicações / Benefícios

 

 

A gaxeta Quimgax® 2000IC destaca-se por sua característica de compatibilidade com a maioria dos fluidos industriais, exceto onde exista a presença de agentes oxidantes. Ideal para serviços severos em válvulas. É indicada para hidrocarbonetos, vapor, água, gases, produtos químicos, óleos sintéticos e minerais. A excelente performance, faz desta gaxeta o produto ideal para aplicações rigorosas, devido à periculosidade dos fluidos ou dos riscos envolvidos. Incomparável no uso em aplicações severas de refinarias. Possui aprovação em Emissões Fugitivas (Fugitive Emission Test) segundo EPA método 21 em procedimento de teste de acordo com a ARCO e em Teste de Incombustibilidade (Fire Test) segundo API 589 second Edtion Fire Test Report, ambos emitidos pelo Yarmouth Research and Technology – Maine / USA.

 

 

 

 

 

 

 

Imagem 2

 

 

Imagem 3

 

 

 

Aprovações Internacionais* para 2000IC

 

Testes realizados pelo Yarmouth Research and Technology Maine – USA

 

 

Fire Test

 

 

Objetivo
Qualificar a Gaxeta 2000IC quanto à resistência ao fogo, quando aplicada em válvulas submetidas à chama direta.

 

 

Procedimento do Teste
API STANDARD 589 – SECOND EDITION

 

 

Parâmetros do Teste
Tempo de exposição à chama 40 minutos;
Temperatura no corpo da válvula até 679 ºC;
Vazamentos admissivéis, pressões de teste e medições realizadas, conforme tabela abaixo.

 

 

Conclusão
A gaxeta completou com sucesso o teste, atendendo com folga os requisitos desta norma.

 

 

 

Imagem 4

 

 

 

Teste de Emissões Fugitivas

 

 

Objetivo
Qualificar a Gaxeta 2000IC quanto a emissões fugitivas em válvulas, quando submetidas a ciclos térmicos e mecânicos.

 

 

Método de detecção de vazamento utilizado
“EPA method 21”.

 

 

Procedimento do Teste
ARCO Fugitive Emission Test Specification.

 

 

Parâmetros do Teste
3 ciclos térmicos, na temperatura ambiente e à 177ºC;
Medições de vazamento realizadas antes e depois de cada ciclo térmico e .a cada 100 ciclos da haste;
Pressão de teste: 645 psig (45 Kgf/cm2);
Fluído de teste: Foxboro OVA128 (99% metano);
Vazamento máximo permitido: 100 PPMv (se o vazamento permitido for superior a 100 PPMv, a sobreposta deve ser reajustada).

 

 

Conclusão
A gaxeta completou com sucesso o teste, com 05 ajustes da sobreposta durante os 3500 ciclos e mantendo o vazamento abaixo dos 100 PPMv.